Ayrton Senna (1992)

Para a Williams, eu correria até de graça