Asas de 2021

A Fórmula 1 revisou o desenho das asas que terão um papel fundamental para os conceitos dos carros da temporada 2021, quando a categoria passará por profundas modificações em busca de aumentar a competitividade e atrair mais fãs.
Um modelo em escala de 50% de um carro de F1 foi testado no túnel de vento, emm2019, apresentando resultados encorajadores à equipe técnica que lidera as propostas para a temporada em que tudo mudará.
No desenho revelado, o bico do carro se acopla diretamente à aba principal da asa dianteira e os cinco elementos horizontais atuais foram reduzidos para apenas três, com extremidades mais largas e simples.
A asa traseira também mudou nas extremidades e na fixação da estrutura, que ficará mais abaixo do que as usadas atualmente.
A F1 revelou em seu site oficial que o carro, batizado de Lima, tem sido redesenhado para apresentar “um design mais elegante e ter asas dianteiras e traseiras mais dramáticas”. A publicação não traz novas imagens, mas alguns times mostraram suas versões do projeto.
O chefe do departamento técnico da FIA, Pat Symonds e coordenador de assuntos técnicos, Nicolas Tombazis focaram em refinar a asa dianteira, que terá um “desenho de apelo curvilíneo futurista ao invés de ser reto”. Além disso, as duas amplas extremidades das asas dianteiras apontaram para cima “drasticamente” a partir de agora.
De acordo com a F1, a asa traseira também será mais larga e as extremidades serão levemente curvadas para dentro, por questões estéticas.
Outras modificações incluem abaixar a ponta do nariz do carro em “cerca de 25mm”, redesenhar o assoalho, o que deixará o chassi um pouco mais alto e dará aos pilotos um pouco mais de espaço com um apoio de cabeça mais alto e uma entrada de ar maior”.
Os testes no túnel de vento com o carro “Lima” irão continuar até que as regras para 2021 sejam publicadas. Isto incluirá a avaliação de se as asas dianteiras poderão ser mais estreitas sem prejudicar os esforços de reduzir a turbulência que elas criam.
Apesar de dar um visual distinto aos carros ser um dos objetivos para 2021 em diante, permitir que eles disputem posições melhor continua sendo a meta principal. Symonds disse que os resultados eram “na verdade além do que havia imaginado que atingiríamos quando começamos o projeto. Com as configurações que temos neste momento, os resultados são excepcionais”.