Publicidade

Aida

  • Nome oficial: TI Aida
  • Endereço: Tanaka International Circuit, 1210 Takimiya, Aida-cho, Aida-gun, Okayama pref., 701-26 JAPÃO
  • Extensão: 3.703 metros
  • Número de voltas: 83
  • Curvas: 13
  • Sentido: horário
  • Recorde em treino: Ayrton Senna (Williams-Renault), 1min10s218 (média de 189,849 km/h), em 94
  • Recorde em corrida: Michael Schumacher (Benetton-Ford), 1min14s023 (média de 180,090 km/h), em 94
  • Primeiro GP de F-1: 1994, vencido por Michael Schumacher

História e características

A pista pertence ao milionário japonês Hajime Tanaka, propiretário de campos de golfe no país. É um entusiasta de corridas que construiu o autódromo e, graças à sua conta bancária, conseguiu levar a F-1 para lá. Parece um kartódromo. Muito estreito, o circuito não oferece bons pontos de ultrapassagem e tem um problema adicional: como quase nunca é usada, a pista é pouco emborrachada e muito suja. Fica num vale com ventos fortes, que arrastam muita areia para o asfalto. O GP do Pacífico, realizado pela primeira vez em 94, é o que tem mais voltas na F-1: 83, por causa da pequena extensão da pista. Os pilotos não gostam muito de correr em Aida. Além do traçado desinteressante e lento, eles reclamam também da cidade, inóspita e afastada de tudo que o Japão tem de bom para oferecer.

Antes da primeira prova de F-1 em Aida, em 94, o recorde da pista pertencia ao seu proprietário. Tanaka é dono de um Tyrrell-Honda 1991 e costuma dar umas voltinhas em seu autódromo. Consta que já conseguiu completar um giro em 1min30s.