Giorgio Pantano

Perfil

Nome Giorgio Pantano
País Itália
Nascimento 04 de fevereiro de 1979
Local Conselve – Padova
Altura 1,65
Residência Londres e Padova
Estado civil Solteiro

Carreira

2003

3º no campeonato internacional da F 3000, pela equipe Durango, com duas poles e duas vitórias..

2002

2º colocado na F 3000, pela Coloni, com 3 vitórias; 3 terceiros lugares; 3 quartos e um 8º. Vencedor de corrida de carro de dois lugares, pela Minardi, em Donington Park. Prêmio “Melhor relacionamento piloto-equipe”, do Prêmio
” Winning Attitudes”.

2001

 Estréia na pela Astromega com dois abandonos; um oitavo lugar; um sétimo e um quinto e vitória em Monza, na última corridfa da temporada. Faz testes na McLaren, em Jerez. Ganhador do Prêmio de Piloto do ano da Autosprint.

2000

Campeão da F3 alemã. Faz testes na F1, na Benetton, em Valencia, Jerez e Monza,  e na F3000 pela Astromega, em Barcelona.

1999

3º no Campeonato Mundial da Fórmula Super A, na única corrida de kart da temporada.3º na temporada de inverno da Fórmula Audi. Faz testes  na F 3000, pela Astromega, em Barcelona

1998

3º na Copa Bercy, em Paris

1997

3º no Mundial da Formula Super A

1996

Campeão europeu da Formula A

1995

Campeão europeu da Formula A

1994

Campeão italiano júnior – kartCampeão mundial júnior – kart

1993

Campeão italiano júnior – kartCampeão europeu júnior – kart
Campeão mundial júnior – kart

1988

Inicia carreira no kart.

História

Giorgio Pantano, nascido a 4 de fevereiro 1979, em Padova, começou sua carreira no kart, sendo considerado, rapidamente, um dos melhores pilotos da sua geração. Essa reputação foi consequência de várias vitórias, incluindo três títulos mundiais de júniors e dois títulos europeus.

A estréia em monopostos aconteceu em 1999, na série de inverno da Fórmula Audi, da Inglaterra.

Nesse mesmo ano, fez testes para a Fórmula 3.000, em Barcelona, pela Astromega, e, no ano seguinte, correu na F  3, pela equipe suiça suíço KMS, conseguindo a sua primeira vitória em Zolder.

O piloto italiano estreou na Fórmula 3.000, pela Astromega, em 2001, tendo vencido a última corrida, em  Monza, depois de enfrentar muitas dificuldades. Terminou o campeonato no 9º lugar. Nessa temporada, fez dois dias de testes pela McLaren, em Jerez, com tempos iguais aos de  pilotos já experientes.

Em 2002, correndo pela Coloni Motorsport, ganhou em Barcelona ( a primeira vitória depois de seis anos de Fórmula 3.000), Hockenheim (foi também pole posititon) e em Spa, e foi vice-campeão, atrás de Sebastien Bourdais.

Sem conseguir passar para a Fórmula 1 e rejeitado por uma equipe da CART, Pantano retornou à Fórmula 3000, em 2003, com a Durango. Venceu em Barcelona e em Magny-Cours, terminando o campeonato em terceiro lugar na série. Foi o primeiro piloto da categoria a ganhar corridas por três equipes diferentes.

Depois de ter feito testes na Benetton, Maclaren e ter negociado a ida para a Jaguar, no início de 2004, o piloto italiano, com o suporte de patrocínios milionários, acabou acertando o ingresso na Minardi, completando com Zsolt Baumgartner, uma dupla que poderia ser considerada novata na F1.

O se desempenho, porém, foi sofrível. Largou em 14 corridas e só completou 6, nunca na zona de pontuação. Faltando três provas para o final do campeonato, foi substituído por  Timo Glock e passou a correr na GP 2, da qual foi o campeão em 2008