23/04/19

Para Berger, só Hamilton tem nível de Senna

Gerhard Berger considera que só Lewis Hamilton já é tão bom quanto Ayrton Senna, o piloto com quem compartilhou a McLaren entre 1990 e 1992.
“Todo mundo me pergunta” como você vê esse piloto comparado a Ayrton? E eu sempre digo ‘não vejo ninguém perto de Ayrton, mas Lewis é o primeiro piloto a quem eu colocaria no mesmo nível de Ayrton”, disse Berger, em declarações à agência de notícias Reuters.
Gerhard Berger vê Lewis Hamilton acima de todos os outros campeões mundiais contra os quais correu ou assistiu ao longo das décadas.
“O cara é incrivelmente rápido. Ele comete um pouco menos de erros que os outros, e o que me impressiona com ele – quando você ganha tanto quanto ele ganhou – é que você pode pensar: ‘hoje estou em segundo. Vou atropelar a cabeça dele e ganho ou abandono. Ele não faz isso, ele apenas fica lá e espera, ‘OK, eu termino em segundo e ganho os pontos’. Parece que ele está fazendo o jogo de uma forma tão boa agora que é imbatível no momento. Eu vejo realmente muitos dos campeonatos que foram ganhos pela Mercedes nos últimos anos. Quem ganhou foi Lewis e o motor. O motor foi excelente, sim. Mas Lewis, no molhado, em um circuito rápido, em um circuito de rua, ele está sempre lá. Ele ganhou o campeonato cinco vezes, ganhou corrida atrás de corrida. Sim, ele está no melhor carro com o melhor motor, mas ele também é o melhor – de longe o melhor no momento.”
Berger acredita que Hamilton pode desafiar os recordes de Michael Schumacher, especialmente o de sete títulos mundiais.
“Eu acho que Lewis, se nada acontecer com ele e continuar assim, pelos próximos dois ou três anos, sempre estará disputando o campeonato. Definitivamente, ele tem a chance. Lewis Hamilton é o piloto mais especial em todo o tempo que eu assisti F1.”
Questionado sobre como comparar Hamilton e Schumacher, ele disse: “de um lado você pode simplesmente ir estatisticamente – quem venceu mais corridas ou qualquer outra coisa. E então você vai um pouco mais fundo, e diz quem ganhou mais corridas em quantas corridas fez isso, e então você olha para as classificações. Para mim, sempre houve grandes campeões, como Nelson Piquet, como Niki Lauda, como Alain Prost e como Michael. Mas sempre havia uma coisa acima deles, Ayrton. Agora vejo Lewis no mesmo nível. Difícil dizer onde eu colocaria Jim Clark ou Fangio. Eu vi outro dia um documentário sobre Fangio e percebi o quão forte esse cara era.”
Mas Berger não duvida que Senna teria vencido Hamilton se o acidente em Imola, 25 anos atrás, não tivesse terminado com uma das melhores mãos da Fórmula 1.
“Eu acho que Ayrton iria ganhar porque era um tipo de personalidade encantadora. Do ponto de vista do desempenho, Lewis vai de uma\ pole a outra e de uma vitória para a outra, como Ayrton fazia”, completou Berger.

(Fontes soymotor.com, motorsport.com )