22/01/19

O MCL34, da McLaren, já está sendo pintado

MCL34, o seu carro para a temporada de 2019. A equipe começou a desenhar a decoração do novo modelo em julho do ano passado, antes do GP da Inglaterra. Esta semana, o chassi vai para a oficina de pintura, para estar pronto em 14 de fevereiro, data da apresentação do carro. Uma porta-voz do Grupo McLaren adiantou que o esquema de cores será o mesmo “laranja-papaia” do ano passado.
“Em colaboração com o departamento de aerodinâmica. A oficina de pintura e nosso sócio AkzoNobel-Sikken, a equipe criativa estabeleceu a tela e o meio com que teria de trabalhar, O desenho da decoração do MCL34 saiu da própria equipe, cujo objetivo constante é o rendimento, mas também se pode considerar uma obra criativa”, conta a diretora de marca do Grupo McLaren, Louise McEwen, em declaração à web da equipe.
Além de confirmar que a equipe já está na última fase de preparativos para a temporada, ela dá a entender que seguirão uma filosofia similar à do ano passado em termos de decoração.
“A decoração do ano passado se referia às raízes da equipe e estava inspirada diretamente no esquema de cores laranja-papaia, tão icônicos para a escuderia, que o usou pela primeira vez na F1 em 1968. Um vínculo com o passado, centrado firmemente no futuro. Foi valente, um êxito entre os fãs que haviam pedido que voltasse. A decoração deste ano será de novo nesses termos, se construirá a partir do valor de uma marca que tem sido sinônimo de êxito na F1, nas 500 milhas de Indianápolis e na Can-Am”, explicou McEwen.

A Red Bull mostrou no Autosport Internacional pela primeira vez o uso oficial do logo da Honda num carro da equipe. Num vídeo publicado no canal da Autosports do Youtube, se pode ver o posicionamento do logo num RB8 na parte alta do nariz e muito atrás da parte traseira da tampa do motor, como deverá ser visto nas corridas. Isso se deve aos compromissos de patrocínios já existentes e foi nessa área, também que estavam colocados os logos da Tag Heuer e da Renault.