08/03/19

Mercedes mudou “cada milímetro” do W10

O engenheiro James Allison diz que a Mercedes mudou “quase cada milímetro quadrado” de seu novo carro e que o do ano passado parece “desajeitado e ingênuo”, em certas áreas, em comparação com o de 2019.
Em um vídeo nos canais de mídia social da equipe, Allison explicou as diferenças entre os dois carros e diz que o W10 mostra quantos conceitos mudam de ano para ano.
“É uma coisa interessante que as coisas que pensamos no ano passado foram uma fonte de grande orgulho para nós – coisas que pensamos ter sido levadas ao limite – agora começam a parecer desajeitadas e ingênuas em comparação”, disse Allison.
“Tome os sidepods do ano passado como um exemplo. Eles foram algo em que fizemos uma grande confusão, porque eles eram mais fortes do que jamais conseguimos fazer em qualquer ano anterior. Mas olhe para esses sidepods, olhe para essa carroceria, colocada de uma maneira que não poderíamos ter pensado ser possível 12 meses antes. E da mesma forma a suspensão dianteira; mais uma vez conseguimos elevá-la ainda mais no carro deste ano. E o mesmo é verdade em todo lugar. Se você tirasse a pele desse carro e olhasse por baixo, descobriria que em todas as partes ele foi um pouco mais apertado, um pouco mais rígido, um pouco mais leve e com mais desempenho. Tudo isso contribuiu para nos trazer algo que realmente esperamos que seja um carro competitivo quando começarmos a correr ”.
Explicando o carro que a Mercedes usou durante seu dia de filmagem em Silverstone Allison destacou que a taxa de desenvolvimento teve como resultado um carro muito diferente ao término dos testes.
“Por mais empolgados com este carro – e estamos realmente entusiasmados com isso – sabemos também que quase todos os milímetros vão mudar mais uma vez quando chegarmos à primeira corrida em Melbourne, porque a taxa de mudança aerodinâmica no momento com este novo regulamento é muito rápida. Este carro de lançamento fará o teste de inverno e será substituído por um novo conjunto que levaremos para Melbourne e depois continuaremos desenvolvendo o ano todo.”
A atual campeã mundial estreou um pacote aerodinâmico revisado, com um novo design de asa dianteira e ajustes visíveis em outros componentes importantes, na última semana de testes em Barcelona;
“Como em qualquer ano, estamos tentando projetar um carro que não apenas reaja às mudanças no regulamento, mas estamos aproveitando todas as oportunidades para fazer o carro mais rápido. Nós fizemos isso em cada parte minúscula do carro, tentando fazer com que cada parte seja levada aos limites do que podemos ir”, concluiu Allison.