30/04/19

Ferrari faz escolha mais agressiva de pneus

A Ferrari fez a considerada mais agressiva escolha de pneus para o GP da Espanha e levará 9 conjuntos de compostos macios (vermelhos), por piloto, para o Grande Prêmio da Espanha.
A Pirelli nomeou sua seleção mais difícil de pneus para a corrida, como anteriormente no Grande Prêmio do Bahrein. Foram selecionados os compostos C1, duro, branco; C2, médio, amarelo, e C3, macio, vermelho.
Esperando voltar à forma dos testes de pré-temporada na pista espanhola, e acabar com as dobradinhas da Mercedes, a Ferrari, como a Renault e a Alfa Romeo, leva o composto C3. Vettel e Leclerc diferenciaram nas escolhas do duro (C1) e médio (C2). O monegasco terá 2 conjuntos duros e 2 médios, enquanto o alemão só um conjunto duro e 3 médios.
Na Mercedes, Hamilton e Bottas, selecionaram 8 conjuntos macios e também nesse caso as escolhas diferenciaram entre duro e médio, com Lewis tendo 2 conjuntos duros e 3 médios, enquanto Bottas apenas um duro e 4 médios.
Na Red Bull, Verstappen e Gasly terão 7 conjuntos macios; 4 médios e 2 duros. Alfa Romeo Racing fez as mesmas escolhas de pneus que a Ferrari no que diz respeito aos macios.
A Renault optou por uma distribuição diferente para seus dois pilotos. Enquanto Daniel Ricciardo terá um jogo duro e três médios, Nico Hülkenberg poderá usar dois jogos duros e dois médios.
A Haas, por sua vez, também optou por uma escolha diferente para cada um de seus pilotos. Ambos terão oito conjuntos de pneus macios, mas Kevin Magnussen terá quatro conjuntos de médios e um duro e Romain Grosjean, três médios e dois duros.