17/05/19

Red Bull não espera repetir Mônaco de 2018

Helmut Marko, o chefe da equipe, não acredita que a Red Bull vá repetir em Mônaco, este ano, o sucesso do ano passado, quando Daniel Ricciardo foi vitorioso. E o fantasma que assusta o austríaco é a Mercedes.
“É alarmante a rapidez que a Mercedes tem nas curvas lentas, e em Mônaco tudo é basicamente lento. Sabemos onde perdemos tempo, não é que sejamos geralmente mais lentos, mas perdemos tempo em lugares muito específicos”, diz Marko.
Marko acha que o atual domínio da Mercedes é superior ao Red Bull entre 2010 e 2013. “Nós não éramos tão dominantes como eles são. Com duas ou três mudanças de regulamentos, quando damos um passo à frente, a Mercedes dá dois. Mas queremos continuar lutando, e já demos o primeiro passo para superar a Ferrari”
Toto Wolff, da Mercedes, porém, vê dificuldades para continuar com a série de vitórias em Mônaco:
“As próximas duas semanas serão um tremendo desafio para nós, pois não rendemos em Mônaco nos últimos anos e lembramos o quanto Daniel Ricciardo foi forte no ano passado com a Red Bull. O próximo fim de semana do Grande Prêmio parece desafiador no papel “.
Toto Wolff, opta pela prudência quando avalia o atual campeonato e as possibilidades da Mercedes:
“Eu não acho que podemos ganhar 21 corridas. Acho que devemos nos manter humildes e de pés no chão. Fizemos cinco apresentações fantásticas até agora, que nos permitiram cinco dobradinhas, mas não tomamos isso como definitivo. E não é só por dizer, é realmente a mentalidade que temos. “