13/03/20

O campeonato de 2020 da F1 só começa no dia 7 de junho

Conforme informações divulgadas pelos sites webmotors.com.br e crash.net/.f1, .devido à pandemia do coronavírus, a temporada de Fórmula 1 de 2020 deverá começar no dia 7 de junho com o Grande Prêmio do Azerbaijão. Já está decidido que as corridas do Barein, dia 22; Vietnã, 5 de abril; China, 19; Holanda, 3 de maio/, Espanha, 10, e Mônaco, 24, não serão realizadas, ao menos nas datas originais. Mas os responsáveis pelo evento já trabalham para que a prova de Zandvoort, na Holanda, seja disputada no dia 16 de agosto, no período das férias da F1 -não mais necessárias – e as de Hanoi, no Vietnã, estreante no mundial, e Xangai, China, possam ocorrer no fim do ano.
Nesta sexta-feira (13), os organizadores do GP de Barein distribuíram nota para informar que a prova também foi somente “adiada” e não cancelada. Os organizadores do GP de Abu Dhabi, originalmente 22º e último do calendário, dia 29 de novembro, concordaram em adiá-lo para: 13 de dezembro, a fim de que FIA, FOM e as equipes encontrem datas para inserir as duas etapas da Ásia, no Vietnã e na China, e no Oriente Médio, Barein.

A rápida evolução da epidemia provocada pelo coronavírus (COVID-19) nos últimos dias – a ponto de a Organização Mundial de Saúde (OMS) defini-la como pandemia – levou o CEO da Fórmula 1, Chase Carey, o presidente da FIA, Jean Todt, os representantes das dez equipes e os promotores de GP a estabelecer o novo início para o campeonato: 7 de junho, com o GP do Azerbaijão, em Baku.
A Liberty Media oficializou seu adiamento nesta sexta-feira, depois de várias manchetes anunciarem nesta manhã que a decisão já havia sido tomada e que só precisava ser anunciada em público.