16/08/16

Bélgica reforça a segurança contra terrorismo para o GP

Os organizadores do GP da Bélgica vão tomar medidas contra o terrorismo para a próxima etapa do campeonato da Fórmula 1, em Spa-Francorchamps, no dia 28/08. O promotor da corrida, Andre Mas, disse ao jornal La Derniere Heure que foram vendidos 25% a mais de ingressos em comparação a 2015, principalmente devido à “Verstappen mania” criada pela ida do piloto holandês à Red Bull.

“Esperamos de 15 a 20 mil holandeses. Estamos com 25% a mais ingressos vendidos do que o ano passado, que já foi um bom ano. Todas as arquibancadas estão esgotadas. Só temos alguns à venda no site para a La Source”, disse Mas.

Mas o dirigente admite que, com mais gente, vem mais preocupação, principalmente com tantos ataques terroristas que a Europa vem sofrendo.

“Como todo o evento popular que junta milhares de pessoas, nós temos estritas para um alerta nível 3, devido aos recentes e infelizes eventos em nosso país e a alguns outros. Depois do que houve em Nice, temos que separar áreas de pedestres de áreas de tráfego de veículos. Por isso tiramos todas as lojas em frente da La Source. Implantamos controladores extras para inspecionar mochilas e sacolas térmicas. Para revistar as pessoas, serão necessárias mais pessoas também. Recebemos também apoio do exército para nos ajudar a garantir a segurança máxima do local”, completou Daniel Mas.