Publicidade

GP Brasil 1985

Sete de abril de 1985. O Grande Premio do Brasil abriu a temporada com uma corrida que confirmou ainda mais a superioridade que os carros da McLaren tinham desde o campeonato do ano anterior. O francês Alain Prost, sexto colocado no grid, com uma largada surpreendente passou para o terceiro lugar. Tudo ficou melhor para Prost, quando a Williams do líder Keke Rosberg quebrou na nona volta.

E demorou apenas mais nove voltas para o francês assumir a primeira colocação, ao ultrapassar a Ferrari do italiano Michele Alboreto. A terceira vitória de Alain Prost no Brasil se tornou tranquila sem a ameaça dos dois pilotos brasileiros. Nélson Piquet rodou com sua Brabham logo na terceira volta e deixou a corrida. Ayrton Senna fazia uma boa estréia na equipe Lotus. Estava em terceiro lugar tentando se aproximar de Alboreto e de Prost, quando uma pane no sistema eletrônico de injeção obrigou Senna a abandonar a prova na volta 48.