Publicidade

Benz

fabricas_benzO técnico  Karl Benz começou desenvolver um projeto de veículo na década de 1880, tentando adaptar um propulsor a um veículo de 4 rodas. Não conseguiu e somente em 1885 montou seu primeiro veículo, de apenas 3 rodas, com um motor de 4 tempos e potência de 2 a 3 cv.

O pequeno veículo foi a sensação da cidade de Mannheim, na época. Mas foi só no ano seguinte que Benz conseguiu a patente do triciclo chamando-o de Velociped.

Este primeiro veículo era equipado com motor de 1 cilíndro que ficava na parte traseira e transmitia a potência por uma correia de couro. Tubos de aço formavam o chassi e uma barra comandava a direção. A invenção de Benz é considerada  pioneira e seu Velociped marca o início da era do automóvel.

As experiências com carros e motores não pararam por aí. Karl Benz desenvolveu em seguida um outro motor mais potente, com  rotação de 500 rpm. Acreditando em sua invenção, Karl Benz passou a anuncia-la nos jornais.

Émile Roger, na França , passa a encomendar, a partir de 1888, motores e peças originais da Benz para montar e revender com o nome de Roger-Benz. Foi a apresentação do veículo de Benz na Exposição Universal de Paris, em 1889,  que tornou conhecido mundialmente o nome de Benz.

Enquanto continuava suas pesquisas, Benz aumentava a produção em sua fábrica em Mannheim. Em 1893, surge o modelo Victória, com motor de 3 cv, volante vertical e 1730 cc, que lembrava o estilo das carruagens.  Foi com um Victória que Émile Roger disputou a primeira corrida Paris-Rouen, em 1894, e o barão Theodor Liedbig empreendeu a primeira grande viagem de automóvel de Reichenberg, na Boêmia, a Reims.

Benz_Velo_1894Um outro carro popular é lançado por Benz em 1893, o Velo, com um motor de 1,5 cv, de baixo custo, capaz de chegar a 20 km por hora. O Velo foi o primeiro carro produzido em série e deu origem a outro modelo construído mais tarde, o Comfortable.

Nos anos seguintes a procura pelos carros aumentou, forçando a Benz a desenvolver e lançar novos modelos. Além disso, já nesta época outras marcas disputavam o mercado, com carros potentes e mais velozes que obrigaram a fábrica alemã a se adaptar à novas tendências.

A indústrias Benz & CO Rheinische Gasmotorenfabrik AG. foi ampliada e inovações técnicas foram introduzidas. Mesmo com tudo isso, os carros da Benz continuaram antiquados em relação às outras marcas. Karl Benz viu seu faturamento cair rapidamente no início do século, mas não desanimou e continuou investindo no desenvolvimento técnico lançando uma série de carros de 1, 2 e 4 cilíndros. Nasce o modelo Parsifal, de 2 cilíndros com 14 cv de potência que participou, em 1903 da prova Paris- Bordeux, com velocidade média de 64 km por hora.

A contratação de um jovem engenheiro, Hans Nibel, deu novo impulso a empresa a partir de 1905. A Benz passa a dar mais importância às corridas. Em 1906 é criado o Blitzen Benz, com 200cv e, um carro esportivo Benz que participou de várias competições. Ainda nesse ano, a Benz , com pilotos famosos, como Victor Héméry, consegue alcançar alguns êxitos em corridas internacionais, aumentando seu prestígio e colocando a empresa, durante a década de 20, entre os grandes da indústria automobilística. Em 1926, a Benz funde-se com outra grande indústria alemã constituindo a Daimler-Benz.