Rússia – 2017

Data –  30 de abril de 2017

Circuito – Circuito de Sochi

Pista – 5.853 metros

Voltas – 53 – 310,209 km

Pole – Sebastian Vettel – Ferrari – 1m33s194

Vencedor –  Valtteri Bottas – Mercedes

Tempo – 1h27m08s743

Volta mais rápida –  Kimi Raikkonen – Ferrari – 49 – 1m36s844

Líderes – Valtteri Bottas (1-26), Sebastian Vettel (27-34( Valtteri Bottas (35-52)

Qualificação

A Ferrari manteve o domínio sobre a Mercedes, assumido desde o primeiro treino livre e continuou à frente da equipe alemã na formação do grid para o GP da Rússia. Sebastian Vettel voltou a ocupar a primeira posição , na sua 47ª pole position, com o tempo de 1m33s194, novo recorde para a pista russa, superando a marca que ele havia estabelecido ontem de 1m34s120.  O finlandês Kimi Raikkonen larga ao lado do companheiro de Ferrari, na primeira fila, com 1m33s253. É primeira pole do piloto alemão, desde o GP de Cingapura de 2015, e a primeira dobradinha da Ferrari no grid, depois de 157 corridas, desde o GP da França de 2008, com Kimi Raikkonen e Felipe Massa e vitória do brasileiro.

Felipe Massa obteve a sua melhor colocação no grid da atual temporada, colocando-se , com 1m35s110, em 6º lugar entre Daniel Ricciardo, o 5º colocado, com 1m34s905, e Max Verstappen, o 7º, com 1m35s161.

O treino de classificação começou com temperatura ambiente de 21 graus, que depois passou a 23, e de 40 gruas na pista, que chegou a ter temperatura de 44graus. Sainz, Magnussen , Kvyat, Grosjean e Vandoorne foram os primeiros a irem para a pista, mas os primeiros tempos registrados foram de Magnussen, 1m36s975; Sainz, 1m36s578; Alonso, 1m37s059, e Perez 1m36s186. Na primeira entrada Max Verstappen baixou o tempo para 1m34s493 e depois para 1m34s124, mas foi logo superado por Bottas, com 1m34s177 e 1m34s041. Hamilton ficou em 2°. Palmer, Vandoorne, Wehrlein, Ericsson e Grosjean não passaram à fase seguinte. Nessa fase, só a Ferrari usou pneus supermacios; os demais foram de ultramacios. No final da etapa Palmer foi de encontro à barreira de pneus.

A Q2 começou sob bandeira amarela, enquanto se retirava o carro de Palmer e Felipe Massa foi o primeiro a marcar tempo: 1m36s677. Raikkonen liderou a fase por alguns momentos, com 1m34s051, enquanto Bottas e Hamilton se colocavam em 8º e 9º lugares, respectivamente.  Pouco depois, porém, Bottas subiu para primeiro, com 1m33s264, e Hamilton para 2º, com 1m33s720. No minuto final, porém, Raikkonen se colocou entre os dois pilotos da Mercedes, com 1m33s563, e Vettel ficou em 4º, com 1m34s038. Foram eliminados Sainz, Stroll, Kvyat, Magnussen e Alonso.

No início da Q3, Hamilton e Hulkenberg quase bateram e esse foi um dos erros que fizeram o piloto inglês da Mercedes termina na 4ª colocação do grid.  Na primeira tentativa, Raikkonen fez o melhor tempo até então, 1m33s253, enquanto Vettel marcava 1m33s426, contra 1m33s309 de Bottas e 1m33s161, de Verstappen. Todavia, as posições foram definidas com o cronometro já zerado, com Vettel na pole, com 1m33s194 e Raikkonen em 2º, com 1m33s253.

Grid    

1 Sebastian Vettel

Ferrari

1m33s194

2 Kimi Raikkonen

Ferrari

1m33s253

3 Valtteri Bottas

Mercedes

1m33s289

4 Lewis Hamilton

Mercedes

1m33s767

5 Daniel Ricciardo

Red Bull

1m34s905

6 Felipe Massa

Williams

1m35s110

7 Max Verstappen

Red Bull

1m35s161

8 Nico Hulkenberg

Renault

1m35s285

9 Sergio Perez

Force India

1m35s337

10 Esteban Ocon

Force India

1m35s439

11 Carlos Sainz

Toro Rosso

1m35s948

12 Lance Stroll

Williams

1m35s964

13 Daniil Kvyat

Toro Rosso

1m35s968

14 Kevin Magnussen

Haas

1m36s017

15 Fernando Alonso

McLaren

1m36s660

16 Jolyon Palmer

Renault

1m36s462

17 Stoffel Vandoorne

McLaren

1m37s070

18 Pascal Wehrlein

Sauber

1m37s332

19 Romain Grosjean

Haas

1m37s620

20 Marcus Ericsson

Sauber

1m37s507

 

Sainz Jr. perdeu 3 posições, por causar acidente com Stroll, no Bahrein. Vandoorne perdeu 5 posições por troca d e vários componentes do motor.

Corrida

 Depois de superar o rival na largada, Valtteri Bottas resistiu a forte pressão de Sebastian Vettel durante toda a corrida, principalmente nas 10 últimas  voltas, para vencer o GP da Rússia e conquistar a sua primeira vitória na Fórmula 1, no circuito de Sochi, no dia 30 de maio de 2017. Em 1h27m08s743, o piloto finlandês tornou-se o 107º vencedor da categoria, em uma carreira de 81 corridas, iniciada no GP da Áustria, em 16 de março de 2013, na Williams.

Na hora da verdade, a Ferrari, que tinha liderado todos os treinos e a classificação, teve de contentar-se com os outros dois lugares do pódio, com Vettel em segundo a 0s617 do vencedor, e Kimi Raikkonen em 3º, a 11 segundos de Bottas. Lewis Hamilton chegou na mesma 4ª posição de onde tinha largado, a 36s320 do companheiro de equipe. Felipe Massa, obrigado a fazer um a segunda parada devido a um furo de pneu, foi o 9º colocado.

Com os resultados de hoje, Sebastian Vettel mantém a primeira colocação entre os pilotos, com 86 pontos, seguido de Hamilton, com 76, Bottas, com 63, e Raikkonen, com 49. A Mercedes assumiu a liderança entre as equipes, com 1 ponto de vantagem sobre a Ferrari: 136 a 13.

A primeira largada da corrida teve de ser abortada porque o carro de Alonso, com problemas de motor, parou logo na saída de pit lane e teve de ser retirado. Já na primeira volta, o carro de segurança teve de entrar na pista, por causa de um acidente em que Grosjean jogou Palmer contra a barreira e ambos tiveram que deixar a corrida.

Na largada, Bottas surpreendeu Raikkonen e Vettel, ultrapassando os dois por dentro, pela direita e assumindo a liderança da prova. Verstappen passou por Massa, para ganhar o 6º lugar, enquanto Stroll rodava sozinho, perdendo duas posições e caindo para 13º. A partir da 16, se sucedem voltas mais rápidas, com Vettel fazendo 1m38s629; Bottas 1m38s404 e 1m38s400; Hamilton, 1m38s398; Bottas. 1m38s350; Vettel 1m38s197; 1m37s329 e 1m37s312.  A série só terminou na volta 49, quando Raikkonen cravou 1m36s844.

Felipe Massa fez a sua primeira parada na volta 23, colocando pneus macios e voltou em 10º, na expectativa de melhorar de posições, porque os carros da frente ainda não tinham parado. Com os pit stops de Ocon e Perez, ele pulou para 7º, mas uma segunda parada não prevista, na volta 43 por causa do pneu furado o deixou, mesmo, na 9ª posição.

Bottas fez sua única parada na volta 37, voltando em 4º e cedendo a liderança a Vettel, antes de recuperar o 2º lugar, com as paradas de Raikkonen e Hamilton.  Vettel só parou na volta 35, mas uma perda de tempo no encaixe da roda o fez voltar em segundo, 4s717 atrás de Bottas. O alemão, porém, conseguiu tirar um segundo dessa diferença, quando Bottas travou os pneus na volta 39 e iniciou, então, uma caçada que proporcionou os momentos mais emocionantes da corida.  A disputa se acirrou a partir da volta 48, quando Vettel fez duas voltas mais rápidas e baixou a diferença para menos de um segundo, chegando ao adversário. Porém, mesmo com a abertura da asa na reta, Vettel chegou, mas não ultrapassou Valtteri que resistiu bem ao ataque e ganhou a sua primeira corrida.

Resultados

 

Posição Piloto Equipe Tempo
Valtteri Bottas Mercedes 1h27m38s107
Sebastian Vettel Ferrari 0s617
Kimi Raikkonen Ferrari 11s000
Lewis Hamilton Mercedes 36s320
Max Verstappen Red Bull 1m00s416
Sergio Perez Force India 1m26s788
Esteban Ocon Force India 1m35s004
Nico Hulkenberg Renault 1m36s188
Felipe Massa Williams 1 volta
10º Carlos Sainz Jr. Toro Rosso 1 volta
11º Lance Stroll Williams 1 volta
12º Daniil Kvyat Toro Rosso 1 volta
13º Kevin Magnussen Haas 1 volta
14º Stoffel Vandoorne McLaren 1 volta
15º Marc us Ericsson Sauber 1 volta
16º Pascal Wehrlein Sauber 2 voltas
Não completaram
Daniel Ricciardo Red Bull 5 – freios
Romain Grosjean Haas 0-colisão
Jolyon Palmer Renault 0-colisão
Fernando Alonso McLaren Não largou/motor

 

Classificação

A classificação dos pilotos passou a ser esta:

Pilotos 

Posição Piloto Pontos
Vettel 86
Hamilton 73
Bottas 63
Raikkonen 49
Verstappen 35
Ricciardo 22
Perez 22
Massa 18
Sainz Jr. 11
10º Ocon 9
11º Hulkenberg 6
12º Grosjean 4
13º Magnussen 4
14º Kvyat 2’
15º Wehrlein 0
16º Stroll 0
17º Giovinazzi 0
18º Palmer 0
19º Vandoorne 0
20º Alonso 0
21º Ericsson 0

Equipes

 

Posição Equipe Pontos
Mercedes 136
Ferrari 135
Red Bull 57
Force India 31
Williams 18
Toro Rosso 13
Haas 8
Renault 6
Sauber 0
10º McLaren